Dom Luiz Antônio Ricci preside primeira Missa como Bispo eleito de Nova Friburgo

Diocese de Nova Friburgo, 09 de maio de 2020
Acessos: 535


Com alegria, na semana em que a Igreja celebra Jesus Cristo, o Bom Pastor, a Diocese de Nova Friburgo uniu-se para participar online da primeira Missa presidida por Dom Luiz Antônio Lopes Ricci, Bispo eleito para ser seu novo pastor e guia. A celebração aconteceu em 6 de maio, dia da nomeação pelo Sumo Pontífice, o Papa Francisco. Dom Luiz Antônio presidiu a cerimônia no território da Arquidiocese de Niterói, onde, até o momento, atua como Bispo Auxiliar.

Ladeado pelo Arcebispo de Niterói, Dom José Francisco Rezende Dias; e pelo Bispo Emérito, Dom Alano Maria Pena, O.P, que também já pastoreou a Diocese de Nova Friburgo; Dom Luiz Ricci iniciou a celebração apresentando as seguintes intenções.

- Celebro em ação de graças ao bom Deus pelo dom da vida, pelo dom da vocação e pela minha nomeação hoje, pelo Papa Francisco, como Bispo da Diocese de Nova Friburgo. Saúdo meu irmão Dom Paulo, Administrador Apostólico da Diocese de Nova Friburgo, e também todos os padres, consagrados, consagradas, todo o povo de Deus e vocês que me acompanham pelas redes sociais.

Na pregação, citando as leituras do dia, recordou quando Paulo e Barnabé foram enviado em missão pela Igreja e começam as viagens apostólicas, trazendo esse episódio para atualidade.

- Fui nomeado pela Igreja, pelo Papa Francisco, vou precisar e preciso de todos vocês para que essa missão que me foi confiada possa se realizar a partir da vontade de Deus e do Espírito Santo que nos conduz. Paulo e Barnabé em missão. Fui escolhido hoje pastor e Bispo da Diocese de Nova Friburgo. Estou certo de que poderei contar com a colaboração dos padres, diáconos, leigos, consagrados, de todos vocês queridos irmãos, porque sem vocês nosso trabalho não vai produzir os frutos. Quero ser um colaborador, um facilitador, para que Jesus seja conhecido e amado e para o nosso trabalho apostólico de evangelização – disse.

Complementando sua fala, recordou que foi nomeado Bispo de Nova Friburgo justamente na semana na qual celebramos Jesus, o Bom Pastor, e pediu. “Rezem para que eu seja um bom pastor. ´Para tanto, vou precisar de vocês. É assim a Igreja: comunhão, participação, missão. O nosso trabalho de evangelização acontece na medida que nos sentimos Igreja, povo de Deus, todos corresponsáveis nessa missão”, enfatizou.

Em seguida, o Epíscopo leu a sua mensagem e saudação à Diocese de Nova Friburgo, também agradecendo à Arquidiocese de Niterói pelos anos de missão dedicados a esta Igreja Particular (Clique aqui para ler a mensagem na integra). Ao final, Dom José Francisco emitiu palavras de gratidão e ânimo para Dom Luiz Antônio.

A celebração foi transmitida em comunhão pelas redes sociais da Arquidiocese de Niterói e da Diocese de Nova Friburgo, totalizando mais de 1500 pessoas conectadas participando da Santa Missa.

 


Compartilhe