SEDE: Dom Luiz Antonio visita comunidade dedicada a São Geraldo, em Nova Friburgo

Diocese de Nova Friburgo, 03 de setembro de 2020
Acessos: 85


No último domingo do mês vocacional (30/8), Dia do Catequista, O Bispo Diocesano, Dom Luiz Antonio Lopes Ricci, visitou a comunidade de São Geraldo, em Nova Friburgo, integrante da Paróquia Imaculado Coração de Maria, São Pedro e São Paulo. Presidindo a Santa Missa, o Sucessor dos Apóstolos levou palavras de ânimo e esperança àqueles que nesta capela dedicam-se ao trabalho pastoral e de evangelização.

Respeitando as determinações das autoridades e os protocolos necessários para a realização da Santa Missa presencial, a comunidade abriu as suas portas para a realização desta celebração. Concelebraram os Padres Marcelo Piller (Administrador Paroquial) e Antônio Carlos dos Santos (Vigário Paroquial que se dedica ao trabalho pastoral nesta região do território paroquial).

 

Lembrando que todos somos catequistas, educadores na fé, o Bispo saudou os catequistas presentes na celebração e iniciou a pregação. Conseguinte, dirigiu-se ao rebanho que o acolheu nesta manhã. “Sei que essa comunidade é muito viva e dinâmica, tem uma estrutura de quase paróquia. Agradeço ao trabalho de todos vocês e assim vamos crescendo”.

“Seduziste-me, Senhor, e deixei-me seduzir”, inspirando-se nas palavras do Profeta Jeremias, destacadas na Primeira Leitura (Jr 20,7-9), Dom Luiz Antonio salientou que devemos permitir que Deus nos seduza, pois Ele quer nos seduzir, mas precisamos também permitir isso. “Às vezes, nos deixamos seduzir por tantas outras coisas. Não temos tempo para nada, nos deixamos seduzir pelo dinheiro, pelo poder, pelo ódio, pelo mal, e não nos deixamos seduzir por Deus”, disse.

Mencionando o Evangelho do dia, o Epíscopo disse que Pedro, ao ser repreendido pelo Senhor, é como cada um de nós, às vezes acertamos, noutras erramos, mas somos todos seduzidos pelo Ele. “Olhando para Pedro pedimos por nós e pela Igreja para que possamos acertar. Se levarmos um ‘puxão de orelha’ de Jesus, ele virá cheio de amor para caminharmos no lugar certo. Às vezes precisamos de uma correção”, afirmou.

 

Nos instantes finais, Dom Luiz Antonio pediu à comunidade que prossiga evangelizando, mantendo-se firme em seus propósitos de expansão. Em seguida, a comunidade presenteou Dom Luiz Antonio, e o Coordenador da Capela, Landerson Talarico da Costa, dirigiu ao Bispo um agradecimento pela ocasião de sua visita, renovando o convite para que o Epíscopo esteja mais vezes na comunidade.

Antes da benção final, Pe. Marcelo Piller apresentou o seminarista Guilherme Andrade, que realizará o seu estágio pastoral na comunidade.

Texto:Grasiele Guimarães
Foto:Grasiele Guimarães

 


Compartilhe