Dom Luiz Antonio preside Missa em louvor a Santa Maria Madalena

Diocese de Nova Friburgo, 24 de julho de 2020
Acessos: 159


A celebrar a sua gloriosa padroeira, a comunidade madalenense acolheu com alegria o Bispo Diocesano, Dom Luiz Antonio Lopes Ricci, que presidiu a Santa Missa na manhã de 22 de julho, dia de Santa Maria Madalena. A cerimônia foi realizada com a presença reduzida de fiéis no templo, seguindo as recomendações das autoridades sanitárias e civis quanto à pandemia de Covid-19, havendo também a transmissão ao vivo pelas redes sociais. Houve durante todo o dia uma programação especial em honra à padroeira.

A Paróquia Santa Maria Madalena celebrou sua padroeira com muita alegria. O dia de festejo, iniciou-se com bem cedo a tradicional alvorada da padroeira, às 6h, pelas ruas do Centro, sem a presença da comunidade. Mesmo, estando vivendo este momento atípico, as celebrações que exaltaram a padroeira foram participadas por uma pequena parcela da comunidade.

Na Santa Missa Solene das 10h, Dom Luiz Antonio presidiu a Eucaristia, ladeado pelos Padres Celso Henrique Diniz, Pároco; Luis Antonio Fernandes, oriundo desta comunidade e Administrador da Paróquia Nossa Senhora das Neves, em Córrego do Ouro; e Pablo de Paula Guimarães, Administrador da Paróquia Santa Rita de Cássia, em Floresta; aos quais o Epíscopo saudou no começo da celebração.

Durante a pregação, Dom Luiz Antonio destacou a sua alegria e privilégio em estar nesta comunidade celebrando o dia de Santa Maria Madalena, a Apóstola dos Apóstolos. Sobre a patrona, o Prelado destacou que “ela foi a primeira a fazer a experiência da Ressurreição e a anunciar aos Apóstolos que o sepulcro estava vazio, sendo também a primeira a estabelecer um diálogo com Jesus Ressuscitado. Que privilégio ter Maria Madalena por padroeira”.

Ao mencionar a Primeira Leitura (Ct 3,1-4ª), recordou que Maria Madalena sempre procurou Jesus, o amor de sua vida, “ela tinha um profundo amor por Jesus e não cansou de procura-lo, busca-lo, até encontra-lo”. Prosseguindo, citou o Evangelho deste dia (Jo 20,1-2.11-18), sublinhando no diálogo entre Jesus e Maria Madalena o momento em que ele o reconhece, pois Ele a chama pelo nome.

- Vejam, um chamado e uma resposta. Um diálogo breve e transformador.  Maria, Mestre. Jesus chamou pelo nome e ela respondeu: Mestre, que significa: está aqui a sua discípula. Aqui temos o centro da nossa vida cristã, é Jesus que nos chama, nós respondemos e continuamos buscando Jesus até o fim da nossa vida... Quanto mais o procuramos, mas temos necessidade Dele – afirmou Dom Luiz Antonio.  

Na ocasião, o Sucessor dos Apóstolos, falou a respeito dos desafios de festejar a padroeira durante a pandemia, havendo a necessidade de criar outras formas para realizar a festa. À comunidade manifestou a sua gratidão a todos os que colaboraram com o Pároco na missão de cuidar da Igreja e evangelizar. Dirigindo-se ao Pároco, agradeceu a este por todo o seu empenho e dedicação a esta comunidade e “por tudo aquilo que semeou nesta paróquia”, recordando que no mês de agosto, Pe. Celso iniciará uma nova missão, assumindo a função de Vigário na Catedral São João Batista.

Os minutos finais da celebração foram marcados pelas palavras de acolhida e gratidão pela presença do Bispo Diocesano na comunidade. Pe. Celso Henrique solicitou à comunidade que sempre se lembre de Dom Luiz Antonio em suas orações.

Na Santa Missa das 14h, o Pe. Celso marcou sua despedida da paróquia e também exaltou o grande papel da padroeira na vida de Jesus; aquela eleita para ser Apóstola dos Apóstolos. E na Eucaristia das 16h, o Pe. Luis Antonio, mencionou sobre como a exemplo de nossa padroeira, devemos buscar Jesus, de todo coração e sedentos desse Amor divino.

Logo após, pelas ruas da cidade, o andor com a imagem de Santa Maria Madalena saiu pelas ruas da cidade acompanhado de uma grande carreata, abençoando os bairros e ao final ocorreu a tradicional queima de fogos da padroeira na Igreja Matriz.

Texto:Grasiele Guimarães e Pascom da Paróquia Santa Maria Madalena
Foto:Paróquia Santa Maria Madalena

 


Compartilhe