Antes de sua Posse Canônica, Dom Luiz Ricci realiza visita à Diocese

Diocese de Nova Friburgo, 17 de junho de 2020
Acessos: 484


Seja bendito o que vem em nome do Senhor! Nesta certeza a Diocese de Nova Friburgo acolheu a visita de seu Bispo Eleito, Dom Luiz Antonio Lopes Ricci, realizada entre os dias 12 e 16 de junho. Em tempos de pandemia e necessário distanciamento social, conforme orientam as autoridades civis, sanitárias e eclesiásticas, parte das atividades relacionadas à visita aconteceram virtualmente.

Na tarde da sexta-feira (12/06), o Epíscopo foi recebido por Dom Paulo Antonio De Conto, atual Administrador Apostólico da Diocese, na Residência Episcopal, situada na região central de Nova Friburgo. Dom Paulo acompanhou cada detalhe da visita, também tendo a oportunidade de compartilhar com o Bispo eleito a sobre a experiência vivida neste tempo em que têm permanecido no pastoreio da Diocese.

Confira como aconteceu a programação nos primeiros dias da visita.

 

Videoconferência com os presbíteros

Acompanhado por Dom Paulo, a quem agradeceu por toda a dedicação empregada nos últimos meses à Diocese de Nova Friburgo, a Diocese da Alegria, Dom Luiz reuniu-se virtualmente com os presbíteros, na manhã de 13 de junho, dia de Santo Antônio, transmitindo uma palavra e ânimo e acolhida a todos, e apontando diretrizes. Diversos presbíteros participaram do encontro virtual. Iniciando a reunião, o Prelado recordou um trecho em especial da Mensagem que escreveu por ocasião de sua nomeação à Diocese de Nova Friburgo.

- Subo à Montanha, com o mesmo desejo de construir pontes, sempre por meio do diálogo e respeito, comunhão eclesial e participação, colaborando para “aterrar os vales e aplainar montanhas e colinas” (cf. Lc 3,5). Que o Senhor faça em nós e por meio de nós maravilhas! “O tempo é superior ao espaço”. Vamos juntos iniciar processos... com serenidade, constância e esperança de bons frutos. A realidade é superior à ideia... Evitar distanciamentos. Tocar a realidade da vida e se deixar tocar por ela. O todo é maior que a parte. A unidade prevalece sobre o conflito (Mensagem e Saudação de Dom Luiz Antonio Lopes Ricci – 06 de maio de 2020).

Esse trecho inspirou os quatro pontos que nortearão a convivência do novo Bispo com o Clero: 1º - Tempo superior ao espaço, iniciar processos sem precipitação; 2º - A realidade superior à ideia, tocar e se deixar tocar; 3º - O todo é maior que a parte - buscar a unidade respeitando as diferenças; 4º - Unidade prevalece sobre os conflitos- eles sempre existem, mas podem ser superados.

Prosseguindo, convidou os presbíteros a permaneceram unidos no Amor de Cristo, tendo os mesmos sentimentos Dele. E completou.

- Vamos viver a “nossa fé eclesial com alegria, gratidão, misericórdia, leveza, simplicidade, justiça, equilíbrio, respeito, comunhão, participação, compaixão e desejo de santidade, por meio da integração “fé, culto e ethos (comportamento) que se compenetram mutuamente como uma única realidade” (Bento XVI, Deus Caritas Est, n.14), na “alegria do Evangelho”, numa “Igreja em saída” (Francisco, Evangelii Gaudium, nn.1.20), “produzindo frutos no amor para a vida do mundo” (Vaticano II, Optatam Totius, n.16), na novidade do Espírito e confiança pascal em Jesus Cristo, nosso “Primeiro Amor” (Ap 2,4).

Durante a conversa, Dom Luiz parabenizou os sacerdotes pela celebração de Corpus Christi, assim como agradeceu à criatividade para manter as atividades de evangelização e compromissos financeiros, destacando o trabalho de evangelização que segue no tempo de pandemia. Citando a Mensagem do Papa Francisco na Audiência de 10 de junho, recordou a oração de Jacó, e a metáfora desta oração: Lutar com Deus, e destacou as seguintes palavras do Pontífice.

- Ele nos surpreenderá quando menos esperamos, quando nos encontramos verdadeiramente sozinhos. Nessa mesma noite, lutando contra o desconhecido, tomaremos consciência de que somos apenas pobres homens - ouso dizer “infelizes” - mas, precisamente nessa altura, quando nos sentirmos “pobres homens”, não deveremos recear: porque, nesse preciso momento, Deus nos dará um novo nome, que contém o sentido de toda a nossa vida; Ele mudará os nossos corações e nos dará a bênção reservada para aqueles que se deixam transformar por Ele. Este é um bom convite para nos deixarmos transformar por Deus. Ele sabe como fazer, porque conhece cada um de nós. “Senhor, tu conheces-me. Transforma-me”. (Papa Francisco, Audiência Geral – 10 de junho de 2020)

.

Antes de encerrar, refletiu sobre o momento pela qual passa a humanidade, diante de um vírus que assola o planeta, apontando-o como um tempo difícil e de incertezas, mas, com uma palavra de ânimo, convocou cada um a seguir frente, lutando com Deus, com teimosa e renovada esperança.

Por fim, recordando o Profeta Elias, exortou. “Mas o anjo de Deus o tocou de novo e lhe disse: levante-se e coma, pois o caminho é superior às suas forças. Elias se levantou, comeu, bebeu e, sustentado pela comida, caminhou quarenta dias e quarenta noites até o Horeb, a montanha de Deus” (1Rs 19, 7-8). Com Cristo, vamos em frente, com vigor, coragem e esperança, não obstante o “cansaço” e preocupações da vida”.

Comentando a respeito de sua Posse Canônica, Dom Luiz explicou que esta será transmitida pelas redes sociais da Diocese de Nova Friburgo e da Arquidiocese de Niterói, devido às medidas necessárias para evitar a proliferação da COVID-19. Na oportunidade, pediu ainda a compreensão de todos, suas orações e comunhão eclesial.

 

Visita ao Seminário Diocesano

Nesta mesma manhã, Dom Luiz visitou o Seminário Diocesano Imaculada Conceição, situado no bairro Tinguely, em Nova Friburgo, acompanhado pelo Administrador Apostólico da Diocese, Dom Paulo Antônio De Conto; e pelo Pe. Alexandre Albuquerque, sacerdote que auxilia na administração da Diocese e integrante do Colégio de Consultores.

Dom Luiz foi recebido pelo Reitor do Seminário, Pe. Jandir Corrêa; pelo Vice-reitor, Pe. Raphael Santos; pelo Prefeito de Estudos, Pe. Aurecir Junior; e pelos seminaristas que estão residindo em quarentena na Casa de Formação da Diocese.

Guiado pelo Pe. Raphael, o Bispo eleito conheceu as dependências do Seminário Diocesano, elogiou a construção, e, ao chegar à capela, conduziu um momento de oração junto aos residentes, enfatizando que a Casa de Formação é o coração da Diocese. Logo após, reuniu-se com os sacerdotes já mencionados para obter um panorama da questão vocacional na Diocese.

 

Cerimônia de posse

Na tarde de 13/06, Dom Luiz e Dom Paulo reuniram-se com a equipe de Comunicação da Diocese, a fim de definir os detalhes necessários para a cerimônia de posse, que será transmitida pelas redes sociais da Diocese de Nova Friburgo e da Arquidiocese de Niterói. Outros pontos referentes à Pascom também foram abordados no encontro.

Texto:Grasiele Guimarães
Foto:Grasiele Guimarães

 


Compartilhe