facebook  webmail-2  IOS NOVO  AND NOVO  anuario-icone 

sede-ano-do-laicato-paroquia-santa-teresinha-realiza-1-encontro-das-familiasNos dias 13 e 14 de outubro, aconteceu o 1º Encontro das Famílias organizado pela Pastoral...
diocese-se-reune-para-ultimo-adeus-ao-pe-amauri-da-silvaA Diocese de Nova Friburgo esteve reunida na noite de 16/10 para prestar homenagem ao Pe....
reunidos-em-cenaculo-bispo-e-leigos-celebram-padroeira-do-brasilApós 301 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora da Conceição, aparecida nas águas...
norte-ano-do-laicato-celebracoes-a-nossa-aparecida-acontecem-nas-comunidades-do-vicariatoCelebrar a padroeira do Brasil. Esse foi o motivo que reuniu diversos leigos e leigas nas...
norte-apos-reforma-capela-santo-antonio-e-reinaugurada-em-laranjaisNa noite de 13 de outubro, após quatro meses de reforma, a Capela Santo Antônio, instalada na...

SEDE: Dia de Nossa Senhora das Dores é celebrado com oração das Mil Ave-Marias

A Oração das Mil Ave-Marias já é uma tradição anual da Catedral São João Batista. Mas, em 2018, a Igreja Mãe da Diocese realizou este momento profundamente devocional junto aos festejos das Irmãs Doroteias, no dia de Nossa Senhora das Dores (15/9). A festividade começou com a Missa Solene, às 8h, e concluiu-se no fim da tarde, às 16h, tendo lugar na Capela Nossa Senhora das Dores, situada no Centro de Nova Friburgo. A oração aconteceu initerruptamente, num esquema de revezamento entre todas as pastorais e movimentos da Catedral.

site sede-2018 diadenossasnehoradasdores 3

A Santa Missa de abertura da programação foi presidida pelo Vigário Paroquial da Catedral e Capelão de Nossa Senhora das Dores, Pe. Claudio Menezes, também aniversariante do dia. Em sua homilia, o sacerdote enalteceu o carinho de Nossa Senhora para com ele ao longo de sua vida, principalmente no título de Nossa Senhora das Dores. Ao término da celebração, a comunidade cantou o ‘Parabéns pra você’ para o Pe. Claudio, que, inclusive, participou do início da Oração das Mil Ave-Marias.

A equipe de organização preparou tudo com esmero e carinho, organizando na procissão de entrada um grande coração, o coração Imaculado de Maria, trazendo sete espadas, representando as sete dores de Nossa Senhora. Esse coração foi colocado sobre o Altar, juntamente com um buque de rosas vermelhas. Cada rosa simbolizava um movimento ou pastoral da Igreja que estava ali unido para oferecer nas Ave-Marias uma rosa a Nossa Senhora das Dores. Esse altar ficou montado durante todo o período de oração.

site sede-2018 diadenossasnehoradasdores 2

Foi preparada uma caixa para quem desejava depositar ali as suas intenções. Nas 50 últimas Ave-Marias, essa caixa entrou em procissão permanecendo aos pés do altar. Neste momento, todos pediram a Nossa Senhora das Dores, que intercedesse por todas aquelas pessoas e suas intenções. Houve um grande reforço da comunidade em orar pelas famílias, colocando como intenção maior das Mil Ave-Marias a unidade das famílias, o respeito à vida. “Que Nossa Senhora das Dores possa ser o nosso grande exemplo de mãe no dia a dia de nossas famílias”, suplicou Janimary Pecci, uma das organizadoras do evento.

Houve um roteiro, no qual todas as pastorais e movimentos da Igreja tiveram seu momento de rezar 50 Ave-Marias, todos revezaram e puderam dar a sua contribuição. Entre os mistérios era entoado sempre um canto mariano. A capela esteve a todo o momento com um público muito bom, muito presente. Do lado de fora, carinhosamente e compartilhadamente cada um levou um lanche e assim em nenhum momento houve a interrupção da sequência de oração.

site sede-2018 diadenossasnehoradasdores 1

- Ao final do encontro, muitas pessoas da organização, como eu, fomos procurados por irmãos que participaram pela primeira vez da oração das Mil Ave-Marias, inclusive com depoimento que seria um pouco difícil e desafiador conseguir ficar esse tempo todo de concentração. Mas, as pessoas que fizeram essa experiência ficaram felizes e disseram que foi um momento de intensa fé, oportunidade de ver que quando nos unimos o Espírito Santo realmente está presente e a gente não percebe as tantas horas de oração. Saímos dali abastecidos na fé, na amizade, celebrando esse grande dia. Agradecemos às Irmãs Doroteias pela abertura da capela, pelo acolhimento e desejamos, que realmente a cada ano, possamos conquistar mais pessoas para esse grande momento de oração, de graças e bênçãos – testemunhou Janimary.

Texto: Grasiele Guimarães
Fotos: Terço das Mães
Fonte: Janimary Pecci
link hotsite3

PARÓQUIAS DA DIOCESE

 

Pensamento da Semana

 O que nos dá alegria e nos aproxima de Deus devemos buscar para os irmãos.

Dom Edney Gouvêa Mattoso