facebook  webmail-2  IOS NOVO  AND NOVO  anuario-icone 

 

Newsletter

Inscreva-se aqui para receber as novidades da Diocese de Nova Friburgo.
sede-paroquias-de-nova-friburgo-celebram-dia-dos-costureirosO dia 25 de maio é marcado no calendário civil como o Dia dos Costureiros. Portanto, sendo...
bispo-participa-de-atividades-dos-200-anos-de-nova-friburgoA cidade de Nova Friburgo, única criada por Decreto Real no Brasil, celebrou seu bicentenário...
norte-5-luau-com-cristo-reune-fieis-em-sao-sebastiao-do-altoNo dia 12/05, o grupo Jovens Adoradores da Paróquia São Sebastião, em São Sebastião do Alto,...
norte-bispo-crisma-90-pessoas-em-bom-jardimSob imposição das mãos de Dom Edney Gouvêa Mattoso, 90 pessoas da Paróquia Nossa Senhora da...
sede-ii-tratoraco-e-missa-do-lavrador-sao-realizados-em-nova-friburgoNa tarde de 13 de maio, os paroquianos de Sant'Ana, em Campo do Coelho, reuniram-se para...

SEDE: II Tratoraço e Missa do Lavrador são realizados em Nova Friburgo

Na tarde de 13 de maio, os paroquianos de Sant'Ana, em Campo do Coelho, reuniram-se para participar do II Tratoraço e da Missa do Lavrador, em honra a Santo Isidro - padroeiro dos Lavradores. A saída do Tratoraço aconteceu na Capela Santo Isidro, em Baixada de Salinas, com destino ao Ceasa de Nova Friburgo, local da Santa Missa presidida pelo Administrador Paroquial, Pe. Marcelo Talon.

site sede 2018 2tratratoraçoemissadolavrador 5

Após a largada, os homens e mulheres do campo percorreram todo o caminho entre Baixada de Salinas e Conquista em seus tratores, caminhões, carros de passeio e motos, levando em seus corações suas preces ao Senhor. Chegando ao Ceasa, a imagem de Santo Isidro foi retirada do trator que lhe transportou e colocada no local reservado para a Celebração Eucarística.

Em meio às hortaliças, legumes e outros frutos vindos da terra, e diante de um belo pôr-do-sol, aconteceu a celebração do Santo Sacrifício. “De forma especial, nos reunimos no Mercado do Produtor para elevarmos uma prece ao Senhor por todos aqueles que trabalham na terra diariamente, se suam e se cansam para fazer o solo germinar os frutos”, enfatizou o sacerdote no começo da celebração.

site sede 2018 2tratratoraçoemissadolavrador 4

Dando continuidade à introdução da Missa, Pe. Marcelo complementou.

- O trabalho de nossas mãos é abençoado por Deus. Quando se cultiva a terra, se continua a criação que Deus imaginou. O Senhor nos dá a terra para que dela consigamos aquilo que é necessário para a nossa sobrevivência. O solo é um presente de Deus necessário para a vida de todas as pessoas. Aqueles que cultivam a terra se comprometem com a vida de todos.

Refletindo sobre as palavras do Evangelho (Mc 16,15): ‘Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura!’, o sacerdote iniciou a pregação enfatizando que esta é missão de todo o Batizado, e disse. “Só teremos coragem para evangelizar à medida que formos dóceis ao Espírito Santo... O trabalho tem que ser feito aqui e agora. Sabemos que a messe é grande, mas os operários são poucos”. O presbítero também falou sobre a Ascensão do Senhor, celebrada neste dia, enfatizando que esta Solenidade junto com Pentecostes selam o Tempo Pascal.

site sede 2018 2tratratoraçoemissadolavrador 3

Citando o exemplo de Santo Isidro, apontou-o como bom chefe de família, trabalhador e servo de Deus. E convidando os lavradores a serem homens e mulheres de oração, exortou.

- Santo Isidro conseguiu unir duas dimensões importantes: a oração e o trabalho. Não basta somente orar, é preciso trabalhar. Como também não basta só trabalhar, é necessário orar. Não existe uma oposição entre estas duas coisas. Diz a história de Santo Isidro que, naquelas tarefas duras do campo, o anjo do Senhor vinha ajudá-lo. Aqui é bom entender que isso continua acontecendo. O que nos faz enfrentar o cansaço, as dificuldades, o mau tempo, o preço baixo da mercadoria? Quantas e quantas vezes enfrentamos essas coisas? Mas é preciso perceber que Deus está ali e quando Ele está naquilo que fazemos, todas as dificuldades são vencidas – concluiu.

Durante o ofertório, lavradores realizaram uma oferta viva, apresentando o fruto de seu trabalho. Também foram oferecidos pelos demais participantes alimentos não perecíveis. Os itens arrecadados serão destinados à Clínica Psiquiátrica Santa Lúcia, em Nova Friburgo.

site sede 2018 2tratratoraçoemissadolavrador 6

Ao final da Missa, Pe. Marcelo convidou os participantes a se consagrar a Nossa Senhora, afinal a data desta celebração também foi marcada por ser Dia da Virgem de Fátima e das Mães. Justamente por essas outras intenções, haviam entre os lavradores diversas mães participando com fervor da celebração.

Entre o grupo estava Luana Rosa, que acompanhada por sua mãe, sua irmã e sua pequenina filha, falou sobre a emoção de celebrar este dia especial, unindo as três gerações da família. “Me sinto muito abençoada. É uma alegria! Nunca senti uma felicidade tão grande. Peço a Nossa Senhora que abençoe a minha filha, para que ela possa viver o que estou vivendo. É só gratidão a Deus por esse momento tão maravilhoso”.

Continuando os festejos ao padroeiro dos Lavradores, em 15 de maio - Dia de Santo Isidro, aconteceu Missa e procissão na Capela de Baixada de Salinas, às 19h.

Texto e fotos: Grasiele Guimarães

link hotsite3

PARÓQUIAS DA DIOCESE

 

Pensamento da Semana

 O que nos dá alegria e nos aproxima de Deus devemos buscar para os irmãos.

Dom Edney Gouvêa Mattoso