facebook  webmail-2  IOS NOVO  AND NOVO  anuario-icone

 

Newsletter

Inscreva-se aqui para receber as novidades da Diocese de Nova Friburgo.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
norte-paroquia-sao-jose-incia-o-seu-ano-jubilar-pelos-115-anos-de-fundacao-do-apostolado-da-oracaoNo domingo (12/01), os paroquianos, juntamente com os membros do Apostolado da Oração,...
qbatizar-desde-crianca-para-crescer-com-a-forca-do-espirito-santoq-diz-papa-franciscoA criança sai do Batismo com a força do Espírito Santo dentro de si: “o Espírito que a...
sede-paroquia-imaculada-conceicao-celebrara-para-jubileu-de-esmeraldaHá quarenta anos foi criada a Paróquia Imaculada Conceição, situada no Jardim Ouro Preto –...
sede-paroquia-sao-roque-realiza-pelo-terceiro-ano-projeto-pequenos-reis-magosPelo terceiro ano consecutivo, a Pastoral Catequética da Paróquia São Roque, situada em...
sede-cf-2020-comissao-organizadora-da-abertura-oficial-prossegue-no-planejamento-do-eventoPela segunda vez, a Comissão Organizadora da Abertura Oficial Campanha da Fraternidade...

“O tempo da misericórdia é o tempo do perdão”, diz Dom Edney

A manhã do dia 13 de dezembro de 2015 será histórica para a Diocese de Nova Friburgo. O Bispo, Dom Edney Gouvêa Mattoso, Sacerdotes, Diáconos, Seminaristas, Religiosos e fiéis dos três Vicariatos Episcopais se reuniram na Catedral Diocesana de São João Batista, em Nova Friburgo, para a primeira abertura da Porta Santa do Jubileu da Misericórdia no território diocesano. Instituído pelo Papa Francisco no Advento deste ano, até o dia 20 de novembro de 2016 toda a Igreja é convidada a viver o Ano Santo.

abertura porta santa

A cerimônia começou na Capela do Colégio Nossa Senhora das Dores. No local, foi feita a saudação e a moção inicial, a proclamação da perícopa evangélica e a leitura da parte inicial da Bula ‘Misericordiae Vultus’. Dom Edney manifestou sua alegria pela data, por toda a Diocese estar reunida para a celebração da abertura do Ano Santo neste território e explicou o sentido da ocasião.

- O grande sentido de um Jubileu, da abertura da Porta Santa, é como se a Igreja dissesse ‘Meus filhos queridos dos quatro cantos da Terra, santos e pecadores, vinde a Cristo Redentor, entrai pela porta: Cristo é a Porta’. Esperamos passar por esta porta e sentir os efeitos da redenção de Jesus, cada um de nós, todas as nossas faltas, pecados, nossas misérias, tudo isso é queimado definitivamente ao passarmos por esta porta. Simbolicamente entraremos pela porta da Catedral, evidente que ela estará aberta sempre. Hoje, ela assume um caráter simbólico forte, não a almejamos apenas como um belo artefato da arquitetura que nos permite adentrar em um ambiente, mas vejamos nela o sentido espiritual que este Ano Santo quer dar.

abertura porta santa4

Conforme as instruções para a abertura das Portas Santas, logo após foi feito o caminho processional. Clero e fiéis seguiram em procissão para a Catedral. O ingresso ao templo aconteceu a partir de sua porta principal, sendo aberta pelo Bispo, que disse: “Abri as Portas da Justiça!”. Ao abri-la, e antes de cruzar a Porta, Dom Edney fez especial pausa no umbral da porta, e oferecendo o Livro dos Evangelhos, se dirigiu em procissão até o altar. O Prelado foi seguido pelos Sacerdotes, diáconos, Seminaristas e por todo o povo de Deus. Com o templo lotado, em memória ao Sacramento do Batismo, Dom Edney abençoou e aspergiu o povo de Deus.

Na homilia, o Prelado refletiu sobre a abertura da Porta Santa para a Igreja e para os fiéis.

- Há séculos a Igreja repete nos grandes Jubileus este gesto para manifestar a misericórdia e a justiça de Deus. A todos nós, encerrados no pecado, Ele dá livremente a Sua graça, o Seu perdão. E para manifestar esta bondade do coração de Deus, é que a Igreja de tempos em tempos nos Jubileus abre uma Porta Santa e não é apenas para aqueles que estão dentro, mas abrir a porta significa convidar a todos para entrar, os pecadores, os tristes, os abandonados, os angustiados, os sofridos. É a porta da misericórdia que se abre para nós.

“O tempo da misericórdia é o tempo do perdão. É o momento em que somos convidados não só a fazer a experiência do perdão de Deus a cada um de nós, mas do perdão entre nós”, exortou o Bispo.

abertura porta santa3

- Temos visto que o ódio, o ressentimento, a mágoa, em seus diversos níveis só tem levado o mundo a derramar muitas lágrimas. A humanidade caminha para alguns a passos largos para o fim, mas devemos mostrar que isso não é verdade. Temos que mostrar a possibilidade de redescobrirmos em nós a Face de Deus Misericordioso, que nos acolhe e perdoa, que sabe muito bem quem é cada um de nós e os nossos limites, e ao mesmo tempo volta para nós o Seu olhar Paterno, recordou.

Dom Edney falou sobre a experiência pessoal de passar pela Porta da Misericórdia.

- Senti uma emoção enorme ao passar por aquela porta pela qual tantas vezes já passei, só que hoje ela não é apenas a porta da Catedral, ela é a Porta da Misericórdia, é a Porta do Perdão. Senti-me perdoado por Deus em tantas coisas, em tantas falhas na minha vida, no meu ministério, renovado em tudo aquilo que creio. É um convite feito a cada um de nós.

Ao final da Santa Missa, o Bispo recordou que até o dia 20 de novembro diversos jubileus serão proclamados. Lembrou também a intercessão da Imaculada Conceição para este Ano Santo.

- O Santo Padre no dia oito de dezembro fez a Abertura Oficial da Porta Santa em Roma para o mundo inteiro. A data marca o dia dedicado a Imaculada Conceição. O Papa também quis consagrar toda a Igreja, o povo de Deus, a proteção da Virgem Imaculada. Por isso, temos aqui entre nós a imagem da nossa Padroeira, que durante todo este ano invocaremos como Mãe da Misericórdia. Ninguém melhor do que ela experimentou, viveu e trouxe ao mundo a Misericórdia de Deus, em Jesus Cristo. Que a doçura do seu olhar nos acompanhe durante todo este Ano Santo, para que possamos descobrir a alegria do Amor de Deus.

Abertura das Portas Santas no Norte e no Litoral

No dia 19 de dezembro, às 10h, acontecerá a Abertura da Porta Santa no Santuário Diocesano do Santíssimo Sacramento, em Cantagalo. Já no dia 26, será na Matriz Paroquial de São João Batista, em Macaé. Nesta data também será celebrado o primeiro Jubileu do Ano Santo, o das Famílias. Todos são convidados a viver este momento de fé e misericórdia.

Veja mais fotos na nossa página no Flickr, clique aqui

Texto: Monara Teixeira / Fotos: Flávia Borba - Grasiele Guimaráes e Monara Teixeira

link hotsite3

PARÓQUIAS DA DIOCESE

 

Pensamento da Semana

 O que nos dá alegria e nos aproxima de Deus devemos buscar para os irmãos.

Dom Edney Gouvêa Mattoso