facebook  webmail-2  IOS NOVO  AND NOVO  anuario-icone 

 

Newsletter

Inscreva-se aqui para receber as novidades da Diocese de Nova Friburgo.

A voz do pastor

12/02/2019, 12:24
tragedia-ou-crimeCaros amigos, acompanhamos com pesar o terrível acontecimento na cidade mineira de Brumadinho. As cenas...
05/02/2019, 12:21
a-volta-as-aulaCaros amigos, aproxima-se a volta às aulas. Neste contexto, é necessário refletirmos sobre a importância...
29/01/2019, 13:25
o-desinteresse-pela-verdadeCaros amigos, diante do dinamismo de informações e da influência exercida pelas grandes mídias na...
22/01/2019, 12:37
conservar-a-unidadeCaros amigos, acompanhamos nos últimos dias discussões acirradas quanto às possíveis soluções para o...
15/01/2019, 12:06
o-batismo-e-a-feCaros amigos, neste último domingo, com a Solenidade do Batismo do Senhor, encerrou-se o tempo litúrgico...

Fazer um mundo novo

A voz do pastorCaros amigos, o início de um novo ano traz sempre a renovação dos sonhos e a esperança em um mundo melhor. Estes sentimentos, quando iluminados pela Boa Nova trazida pelo nascimento do menino Deus em meio a nós, ultrapassam os limites do desejo e adquirem concretude.

Ao assumir nossa natureza humana, Cristo renova todas as coisas e abre-nos as portas da salvação, tornando palpável o objeto da espera do povo de Israel: a vida nova, livre das amarras do pecado.

Todo o cristão é chamado, segundo sua própria vocação, a anunciar esta Boa Nova e construir esta realidade renovada. Lembremos as palavras de São Tiago ao advertir a Igreja sobre a incoerência da fé vazia de obras: “Se a um irmão ou a uma irmã faltarem roupas e o alimento cotidiano, e algum de vós lhes disser: ‘Ide em paz, aquecei-vos e fartai-vos’, mas não lhes der o necessário para o corpo, de que lhes aproveitará? Assim também a fé: se não tiver obras, é morta em si mesma” (Tg 2, 15-17). Também São João, o discípulo amado, ensina que não devemos amar só com palavras e de boca, mas com ações e de verdade (cf. 1Jo 3,18).

Desta forma, os augúrios de um Feliz Natal e de Feliz Ano Novo, quando não são acompanhados de ações de compromisso com o Bem-comum e de reais propósitos de conversão, nada mais são do que palavras lançadas ao vento. O desejo comum de um mundo de paz e caridade deve nos impulsionar para a audaciosa missão de mudar nossa sofrida realidade.

Onde prevalece os rumores da violência, da miséria e da guerra, é necessário um esforço da parte de todos, a fim de que sejam respeitados os direitos fundamentais das pessoas, através de uma educação constante que vise erradicara corrupção e respeito às leis. Em vista desta finalidade, é preciso comprometer-se para ultrapassar ‘a lógica da simples justiça’ e ‘abrir-se à do perdão’ (cf. São João Paulo II, Homilia, 01 jan. 2014).

Importante lembrar, que o mundo é construído a partir de nossas decisões e ações individuais e comunitárias, e que “a ação do homem sobre a terra, quando é inspirada e sustentada pela caridade, contribui para a edificação daquela cidade universal de Deus que é a meta para onde caminha a história da família humana” (Caritas in veritate, 7).

Não podemos ceder à tentação de sempre responsabilizar pessoas e instituições pela decadência do bem e da paz, e cruzar os braços sem nos comprometermos. O mundo espera ansioso por nosso testemunho de discípulos e missionários de Jesus Cristo.

É verdade, que muitos são os motivos que nos fazem desanimar da realidade que nos cerca. Mas, a atualidade do novo trazido pelo nascimento do Menino Deus é alimento de nossa esperança e força para nossas atitudes. A visão egoísta e pessimista do mundo só poderá ser vencida pela fé Naquele que renova todas as coisas.

Este é um bom programa para o ano que se inicia, nos deixar invadir pela certeza de um mundo novo inaugurado com a encarnação do Verbo de Deus e, por conseguinte, nos tornarmos propagadores desta Verdade, anunciando-a com palavras e ações cada vez mais encarnadas no mundo em que vivemos.

A realização do que esperamos nunca será encontrada como produto que se comercializa, mas construída pelas atitudes novas do coração iluminado pela Graça de Deus, que transforma a vida e alegra todos os homens de boa vontade.

Feliz 2019 a todos!

Dom Edney Gouvêa Mattoso, Bispo Diocesano de Nova Friburgo

link hotsite3

PARÓQUIAS DA DIOCESE

 

Pensamento da Semana

 O que nos dá alegria e nos aproxima de Deus devemos buscar para os irmãos.

Dom Edney Gouvêa Mattoso