A Diocese de Nova Friburgo foi criada em 26 de março de 1960, na Bula “Quandoquidem Verbis” do Papa João XXIII, desmembrada da Arquidiocese de Niterói e das Dioceses de Campos e Valença, sendo o Núncio Apostólico Dom Armando Lombardi.

O seu primeiro Bispo foi Dom Clemente José Carlos Isnard, OSB; o segundo Bispo foi Dom Alano Maria Pena, OP; o terceiro Bispo foi Dom Rafael Llano Cifuentes; o quarto Bispo foi Dom Edney Gouvêa Mattoso, agora Emérito. Atualmente, à frente do Governo da Diocese está o Administrador Apostólico, Dom Paulo Antônio De Conto.

Situação Geográfica: A Diocese está situada Centro-Norte do Estado do Rio de Janeiro, limitando-se com o Oceano Atlântico, Arquidiocese de Niterói (RJ) e Dioceses de Campos (RJ), Valença (RJ) e Leopoldina (MG)

Municípios da Diocese: Nova Friburgo, Bom Jardim, Cachoeiras de Macacu, Cantagalo, Carapebus, Carmo, Casimiro de Abreu, Conceição de Macabu, Cordeiro, Duas Barras, Itaocara, Macaé, Macuco, Quissamã, Rio das Ostras, Santa Maria Madalena, São Sebastião do Alto, Sumidouro, Trajano de Moraes.

Província Eclesiástica: Niterói (RJ), que compreende: Arquidiocese de Niterói (Metrópole), Diocese de Petrópolis, Diocese de Campos dos Goitacazes, Diocese de Nova Friburgo e a Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney (2002)

 

Bula


Compartilhe